AABB Comunidade Camutanga (PE) visita sítio arqueológico

18.06.2014
Visando proporcionar uma experiência prática aos alunos e, também, ampliar o conhecimento deles sobre os primórdios da vida na Terra e seus primeiros habitantes, educadores do AABB Comunidade Camutanga (PE) levaram 60 educandos ao monumento arqueológico Pedra do Ingá, na Paraíba.
 
A excursão foi realizada no dia 22 de maio, e contou com a monitoria do coordenador Luiz Fábio. Além de visitarem o monumento, a meninada foi ao Museu de História Nacional da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB). No museu eles viram, além de fósseis, pinturas rupestres e instrumentos de caça.
 
“Toda essa aventura começou quando exibimos aos educandos o filme A Era do Gelo. Percebemos que eles ficaram bastante curiosos com o tema e resolvemos sair a campo. Ao final, todos adoraram o passeio, se comportaram muito bem e foram bem participativos”, disse Luiz Fábio.
 
Pedra do Ingá
 
A Pedra do Ingá é um monumento arqueológico identificado como Itacoatiara, constituído por um terreno rochoso que possui inscrições rupestres esculpidas em baixo-relevo, localizado no município de Ingá, estado da Paraíba. A origem do termo Itacoatiara vem do Tupi. É uma forma aportuguesada de itá, que quer dizer "pedra" e kûatiara, que significa "riscada" ou "pintada", pois os nativos, quando indagados pelos colonizadores sobre o que significavam os sinais inscritos na rocha, usaram esse termo.
 
Veja as fotos:
  
 
P5220260.jpg  P5220268.jpg
  
  P5220274.jpg  P5220283.jpg
  
  P5220289_2.jpg  P5220290.jpg
Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
Facebook
Facebook

Desenvolvido por Craque Comunicação