AABB Comunidade Rio Pardo engajado na causa ambiental

Educadores e educandos do Programa Integração AABB Comunidade Rio Pardo (RS) iniciaram, em junho, o projeto Papa Pilha. A ideia é coletar pilhas usadas e encaminhá-las para reciclagem. A iniciativa conta com o apoio da AABB local que, por sua vez, também encaminha pilhas usadas no clube para o Programa.

Para incentivar a participação de crianças e adolescentes, foram criados dois bonecos com garrafa pet, um masculino, Zé Pilhinha, e outro feminino, Nina Papapilha que, com uma boca enorme, armazenam as pilhas descartadas.

A primeira remessa de pilhas foi encaminhada para reciclagem no dia 2 de julho. Na cidade, a Unimed é responsável por coletar esse material e destiná-lo adequadamente. Com isso, centenas de pilhas deixaram de ser descartadas livremente, beneficiando a saúde da população local.

“O projeto Papa Pilha é uma extensão de um trabalho de separação de lixo seco e orgânico que já realizamos há um ano. Com o lixo orgânico, fazemos adubo, já o lixo seco é encaminhado à ACOTRALI, uma cooperativa de catadores”, explicou a coordenadora Roselane Magali.

Perigos da pilha

Quando descartadas em lixo comum, as pilhas liberam componentes tóxicos como cádmio, chumbo e mercúrio que podem causar câncer, anemia ou mesmo mutações genéticas no organismo humano.

Deixe uma resposta

Desenvolvido por Craque Comunicação