Gincana do Afeto une educandos e famílias em Brasília de Minas

31 maio 2019
Categoria
Notícias
Comentários  0

Durante 4 semanas, crianças e adolescentes da AABB Comunidade Brasília de Minas (MG) viveram uma experiência de integração familiar, por meio da Gincana do Afeto, conduzida pelo projeto Capoterapia. Junto com os familiares, houve tarefas de integração, diálogos e terapias, para ajudar os educandos a buscarem uma melhor convivência dentro de casa.

Capoterapia é uma terapia alternativa que utiliza elementos da capoeira, mas com adaptações para pessoas sem hábito de prática de atividade esportiva. Esse exercício, levado à frente pelo Professor capoterapeuta, José Adão, reuniu os familiares e alunos e proporcionou um momento de muita descontração e motivação. Houve também um momento de conversa entre as crianças e os idosos, onde os mais novos faziam perguntas aos mais velhos sobre suas experiências vividas na infância.

Além desses exercícios, também foi promovida uma semana de abraços e bênçãos em casa, diálogos diários entre os familiares e incentivos aos educandos, com o intuito de expor a importância do afeto em casa, a participação da família no ambiente escolar, o respeito e o amor próprio, para com os outros e para com a natureza.

No encerramento da gincana, as famílias receberam certificados e prêmios, tudo acompanhado de um coquetel com música e comida. Familiares e educandos deram depoimentos emocionantes de como a gincana ajudou na convivência dentro de casa e discutiram sobre a importância da família na vida escolar do aluno.

Para o Coordenador do Programa, Edmar Cardoso, a gincana foi um sucesso e trará muitos frutos para a comunidade.  “A ação foi realizada com o intuito de fazer os pais se aproximarem mais dos filhos, na questão do carinho, do afeto, do amor e na melhora da relação entre eles”, disse.

Juliano Veloso Rebello, Presidente da AABB da cidade, afirmou que a gincana foi uma forma dos alunos aprenderem mais sobre a vida e a importância das relações. “As crianças lá têm muita experiência para adquirir com os mais velhos, isso é muito importante para a convivência”, afirmou Juliano.

Deixe uma resposta

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial

Desenvolvido por Craque Comunicação